Você está aqui: Página Inicial / Menu Alunos / Dúvidas Frequentes

Dúvidas Frequentes

  • Para a matrícula no Mestrado e no Doutorado, é EXIGIDA a apresentação de diploma registrado de curso de graduação (para alunos que entram no mestrado) /diploma registrado do curso de mestrado (para alunos que entram no doutorado) reconhecido pelo Ministério da Educação ou, provisoriamente, de certificado ou documento equivalente. Se for apresentado certificado ou documento equivalente, a matrícula deverá ser homologada condicional à apresentação posterior da convalidação para regularização da situação de matrícula (cf. normas da ProPg). 
  • A MATRÍCULA dos alunos regulares deve ser RENOVADA SEMESTRALMENTE, mesmo que o aluno já tenha cursado todos os créditos em disciplinas, sob risco de serem considerados desistentes do curso. O aluno que perder a data para matrícula pode ser desligado do programa. 
  • No prazo máximo de até seis meses após a matrícula no curso, deve ser designado orientador para o aluno do Programa. Para designação de orientador, o aluno deverá submeter à consideração da CPG o formulário de “comunicação de orientador”, que consta da página do PPGPol (link Formulários). 
  • Compete à CPG a aprovação da substituição de orientador, quando conveniente ou indispensável ao desenvolvimento do Programa, podendo esta ser solicitada tanto pelo orientador quanto pelo aluno. 
  • O trancamento da matrícula só poderá ser realizado por alunos em situação regular (ou seja: matriculados e sem prazos 'vencidos'), e deverá ser submetido à aprovação da CPG. A duração do trancamento de matrícula é contada a partir da data de sua solicitação, não podendo ultrapassar a data da próxima renovação de matrícula. 
  • A CPG aprovará no máximo dois trancamentos de matrícula por aluno - um para qualificação e outro para defesa (não podendo serem acumulados em uma única fase). No caso de trancamento(s) de matrícula, serão prolongados, por igual período, os prazos máximos estipulados para o exame de qualificação e a conclusão do curso. 
  • A Banca de Qualificação do Mestrado é constituída pelo orientador e por mais um membro/docente do Programa, podendo haver mais membros caso o orientador julgue necessário. 
  • A Banca de Defesa de Mestrado é constituída por, no mínimo, três membros portadores de título de doutor, dos quais pelo menos um não vinculado ao Programa e nem ao quadro docente da UFSCar.
  • A Banca de Qualificação do Doutorado é constituída pelo orientador, por um membro externo ao PPGPol e aos quadros da UFSCar, e por um membro/docente do Programa, podendo haver mais membros caso o orientador julgue necessário.
  • A Banca de Defesa do Doutorado é constituída por, no mínimo, cinco membros portadores do título de doutor, dos quais pelo menos dois não vinculados ao Programa e nem ao quadro docente da UFSCar.
  • Além do orientador, o coorientador poderá participar da Banca como membro 'extra', para além dos mínimos exigidos nas Bancas de Mestrado e Doutorado.
  • Para realizar o exame de qualificação de mestrado ou doutorado, o aluno precisa obrigatoriamente ter concluído todos os créditos em disciplinas.
  • A prorrogação do prazo de qualificação ou defesa por parte de alunos bolsistas (CAPES, CNPq ou FAPESP), assim como os não bolsistas, é considerada procedimento excepcional, podendo ser aprovada ou não pela CPG, que define por quanto tempo será válida tal prorrogação. O pedido de prorrogação deve ser submetido à CPG. A não existência de prorrogação aprovada em CPG configura situação de irregularidade, podendo levar ao desligamento do aluno. Eventual pedido de prorrogação impede o aluno de solicitar financiamento do PPGPol para participação em eventos acadêmicos ou publicação de artigos científicos.
  • Reconhecimento de créditos: só serão reconhecidas disciplinas da área de Ciência Política, cursadas em programas de Pós-Graduação stricto sensu, classificados na Capes com nota 4 ou superior. A convalidação depende de aprovação pela CPG.
  • Alunos especiais somente serão aceitos se vinculados (matriculados regularmente) a outro programa de pós-graduação stricto sensu. Não serão aceitos alunos ouvintes (não matriculados em nenhum outro programa) em disciplinas obrigatórias. A inscrição dos alunos especiais necessita do consentimento do professor responsável pela disciplina.